Avenida Paulista recebe neste domingo Parada LGBT com o tema Homofobia Tem Cura

O tema deste ano faz alusão à necessidade de inserir as questões de diversidade sexual na educação como forma de combater o preconceito sofrido pelo segmento LGBT. O tema também faz alusão a necessidade de aprovação do projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/06 – há seis anos em tramitação no Senado – que objetiva a criminalização da homofobia, assim como já está previsto para o racismo e outros crimes de discriminação.

A realização da Parada tem por objetivo trazer visibilidade ao segmento LGBT, além de sensibilizar a sociedade sobre temas que envolvem os Direitos Humanos e reconhecimento da cidadania da população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.

A Parada é um dos maiores eventos realizados dentro da cidade de São Paulo. De acordo dados da São Paulo Turismo (SPTuris), a atividade é o segundo maior evento realizado na cidade, perdendo apenas para a Fórmula 1. Durante o final de semana de sua realização, mais de 600 mil turistas visitam São Paulo e deixam mais de R$ 200 milhões em receita para a cidade.





Visando uma maior segurança dos participantes e turistas durante o evento neste ano, a Polícia Militar do Estado de São Paulo, Polícia Civil do Estado de São Paulo e a Guarda Civil Metropolitana estarão utilizando o sistema de monitoramento de ruas, avenidas, corredores urbanos para garantir o bem estar e proteção dos participantes durante todo o trajeto da Parada. Outra novidade sugerida pela Secretaria de Participação e Parceria é a utilização do sistema também nos locais onde o público se dirige depois da finalização da Parada, como a praça da Republica, Vieira de Carvalho, largo do Arouche, entre outros. Estes locais também serão monitorados por câmeras do sistema garantindo uma maior segurança aos seus frequentadores.

Os vídeos monitoramento serão realizados em todo o perímetro que cerca a Parada, começando pela região dos Jardins, avenida Paulista, passando pelos bairros de Vila Mariana, Paraíso, até chegar à região central da cidade.

O objetivo principal dessa ação é aperfeiçoar cada vez mais a estratégia de segurança da Parada, que já vem sendo avaliada de forma positiva pelo público, conforme pesquisa realizada pela SPTuris durante a Parada de 2011, 34% avaliaram como ótima a sensação de segurança e 30,5% como boa, indicando uma melhoria ano a ano.

16ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo
Data: 10 de junho
Horário: Concentração a partir das 10h em frente ao Masp, início 12h
Local: Avenida Paulista

Fonte: Prefeitura de São Paulo





Deixe seu comentário

[an error occurred while processing this directive]
[an error occurred while processing this directive] [an error occurred while processing this directive]